Tá tudo bem, muher #3

E hoje o “ta tudo bem” dá voz a @prof.talita.rosetti . Uma mulher incrivelmente forte da nossa própria comunidade! ❤️

“Minha mãe teve uma realidade difícil. Foi muito pobre na infância, dependeu financeiramente de terceiros e, com essa experiência, me incentivou a estudar e a trabalhar muito.

Sua história e determinação me impulsionaram a chegar ao doutorado firme no mercado de trabalho. A sobrecarga de tarefas, no entanto, passou outras questões para um segundo plano: corpo, mente, maternidade.

A pressão sobre nós, mulheres, acontece sob diversas perspectivas. A sociedade cobra e julga da mesma forma. Todas nós temos uma história que precisa ser respeitada. Precisamos acreditar que “tudo bem”, fizemos o possível em cada situação.

Foi mãe e precisou parar? Tudo bem. Se formou e não casou? Tudo bem. Se formou e ainda não conseguiu emprego? Tudo bem. Tentou fazer tudo ao mesmo tempo e não deu certo? Tudo bem. Acredite: às vezes, aquilo que parece ter dado certo também esconde muitos problemas. Fique bem dentro do que é possível fazer e sigamos juntas.”

Que depoimento emocionante! E mais uma vez, lembrem-se sempre: ta tudo bem!

Vamos juntas! ❤

#selfcare#mulheres#carreira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *